Respirar natureza – Isto é Lousã!

logolicious_20171101_1106542075752045.jpgHoje venho mostrar-vos um pedacinho da natureza que nos faz sentir no país das maravilhas.
Em Abril eu e a Fi regressámos a um sitio onde nós já tínhamos ido há uns bons anos com um grupo enorme de amigos. Gostámos tanto que regressámos e por mim regressava vezes sem conta.
Lousã foi o destino! A Lousã tem aldeias de xisto lindas, lindas, lindas e percursos pedestres igualmente bonitos.

logolicious_20171031_210110135872044.jpg

Nós fizemos o PR2, que nos leva às aldeias do Talasnal e do Casal Novo. É um percurso que se faz pelas encostas da Serra da Lousã, partindo do Castelo da Lousã e terminando no Santuário de Nossa Senhora da Piedade.

São cerca de 6km em que subimos, subimos, subimos e depois claro que descemos, descemos, descemos, mas vale tanto a pena o esforço!

logolicious_20171031_2104172054652839.jpg

O percurso é feito pelos caminhos que antigamente os habitantes faziam para chegar à vila e ao fazê-los sentimos e respiramos a natureza no seu estado puro.
Estas aldeias têm pequenas lojinhas de produtos tradicionais, têm também sítios onde se pode comer e ainda têm casinhas que se podem alugar para passar por ali uns dias.
Das coisas que mais gosto é do cuidado que há em preservar a beleza de todos os lugares, não existindo praticamente nada que fuja ao estilo tradicional da aldeia, ou seja, vasos com flores do lado de fora das janelas, flores em vasos nada comuns e muito velhinhos, flores nas escadas, cortinados antigos, gatos a dormir ao sol nos muros, e tantas coisas mais…

logolicious_20171031_2103381972025062.jpg

Nas aldeias temos sempre vistas privilegiadas que se perdem no horizonte, lugares cheios de história e muitos recantos a descobrir, já no percurso passamos por muitos sítios com linhas de água e pequenas cascatas até avistarmos de novo o Castelo da Lousã que fica pertinho do Santuário de Nossa Senhora da Piedade, sitio onde termina a aventura.

logolicious_20171031_21023798064392.jpg

Se não conhecem asseguro-vos que vale muito a pena! Se não quiserem ir a pé, existem também acessos para ir de carro, mas aí a visita perde metade do encanto. Para os mais corajosos, os caminhos estão todos marcados por isso basta seguir a sinalética e não há perigo de nos perdermos na serra.

Visitem e não se vão arrepender!

Mais info aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s